21.4.09

Procuração (A rima)

Procura-se rima de boa casta,
De letra nobre, de sentido são,
De texto fácil, de significação vasta,
De conteudo sem nenhuma exatidão,

Procura-se rima inédita, ainda que gasta,
Que possua força e qualificação,
Que seja como um boato que se alastra,
E ao mesmo tempo contida como um grão,

Procura-se rima bem apessoada,
Que seja comedida e comportada,
E faça a descompostura valer à pena...

Procura-se rima livre e disponível,
Que trate o inacreditável como crível,
E saiba dissolver-se no poema...

Um comentário:

Débora das *I *I de J:) disse...

Que seja como um boato que se alastra,
E ao mesmo tempo contida como um grão,


Lindo isso! Lindo!

Tô nessa "de procurar"...

olha a palavrinha: creduc
credo=fé.

Acharás, amado!
A rima e o verso...
aqui mesmo... entre as sementes semeadas por ti.