11.5.09

Roteiro

E a gente inventa, tenta,
Reinventa, cria,
Descobre aqui e ali um pouco de alegria,
E segue como quem já andou bastante...
E assim, sempre entre um dia e um outro dia,
Entre uma poesia e uma outra poesia,
A gente segue, lucido, para adiante...

2 comentários:

Débora da Vitória de Jesus. disse...

Este espaço aqui está muito iluminado....hum...Nem espaço tem... está todo ocupado de luz...

Rose disse...

Meu poeta irmão:
Muiiito obrigada pelo poema com que comentou o meu último post! É muito lindo e profundo! Fiquei emocionada com o presente, viu?
Vou acrescentá-lo ao post. Acho que assim ficará mais completo... mais poético... mais coração enfim!
Um beijo de carinho!
Rose.