17.6.09

O eremita

Prefere a clausura, nunca a complacencia,
Despreza a convivencia, abraçando a clausura,
Abandona o suave sabor da convivencia,
Adota a vida estéril, alheia e pura...

E ao preferir a reclusa como essencia,
Evita contatos, jamais se mistura,
Cultiva a intolerancia e a prepotencia,
E o isolamento como um icone de cultura...

Isola-se do mundo tanto e tanto,
Que é quase como um Deus, que é como um santo
Distante do outro mundo, o dos pecados...

Enclausurado, o eremita vive assim:
Ilha cercada de um entorno fraco e ruim,
Um Buda entre um bando de pobres coitados...

3 comentários:

Débora da Vitória de Jesus. disse...

O Lindo em Jesus é que Ele se fez pecado por nós...
O Lindo em Jesus ´que Ele não faz acepção de pessoas...
O lindo em Jesus é que Ele diz: Vem!
O lindo em Jesus é que Ele Basta e nos torna, todos nós, parte dEle mesmo...seu corpo.
Eremitas se isolam e se fecham em seu próprio mundo...
Mas a Luz de Jesus brilha cada vez mais e muitos buscam sua LUZ. Muitos...

Débora da Vitória de Jesus. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Débora da Vitória de Jesus. disse...

Sua LUZ brilha tanto que acaba mostrando nossas mazelas. Soberba é sutil. Vi muito em mim.
Obrigada por me permitir participar.
Suas poesias são bem significativas.
Elas não só "rimam ou não"... Elas falam.
Rosângela, ovelinha de Jesus